Kodak recebe $765 milhões para produzir medicamentos

0
274
Kodak
Kodak

Eastman Kodak recebe um empréstimo de $765 milhões do governo dos Estados Unidos para produzir medicamentos. Donald Trump referiu que um dos medicamentos pode ser um tratamento para a COVID-19. Contudo os investidores ficaram espantados com as novas cotas da companhia.

Mas o que provocou este choque nos investidores?

O grande choque foi mesmo o anúncio, que foi suficiente para elevar as cotas da companhia a mais de 1000%. Para além disso, adicionou mais de $1 bilhão ao valor do mercado da empresa.

Vamos analisar esta situação. Porque não é algo que aconteça diariamente.

 

O presidente Donald Trump anunciou, na terça-feira numa conferência sobre o coronavírus, que a sua administração vai conceder um empréstimo de $765 milhões à Eastman Kodak. Para além de outras razões, enunciadas mais abaixo, o objetivo principal foi oferecer apoio financeiro para o fabrico de medicamentos. Uma das substâncias incluídas na discussão é a hydroxychloroquine, que o presidente Donald Trump tem acentuado como possível tratamento para a COVID-19.

Trump declarou:

A ação de hoje é a medida mais recente para a construção do maior arsenal médico da história.

Pois… Um empréstimo?

Portanto, a Kodak recebeu este empréstimo no valor de $765 milhões do governo federal para produzir medicamentos nos Estados Unidos. Isto produziu um crescimento de +2,441% nas cotas da companhia. O empréstimo levou a que a avaliação de mercado da empresa ascendesse a cerca de $2 bilhões.

O evento que teve lugar na terça provocou um salto de 203% na cota de Eastman Kodak Co., segundo a reportagem realizada pelo Wall Street Journal. Eastman Kodak KODK, +318.14% conheceu um outro salto de 63% no aftermarket. Desde então, a companhia tem vindo a crescer em valor.

Qual é a intenção do presidente?

O presidente Donald Trump quer levar o fabrico de medicamentos para os Estados Unidos. Porquê? Primeiramente, para os americanos deixarem de ser dependentes dos outros países nessa área. Segundo, para garantir dessa maneira um fornecimento consistente – a maioria dos ingredientes farmacêuticos têm como origem a China ou a Índia e foi preciso tomar algumas medidas por causa do contexto atual. Trata-se também de controlar a qualidade dos produtos e a situação criada pela pandemia. Tudo isto se tornou uma preocupação para o governo dos EUA.

Conclusão

Não se trata mais da Kodak, companhia de equipamentos fotográficos profissionais, a mesma que lutou para sobreviver depois de as câmeras digitais substituírem o filme. Em vez disso, trata-se da Kodak Pharma, isto é, a nova área da companhia graças ao empréstimo.

Mas o problema não é encontrar uma solução para a situação atual. O problema real é utilizar um empréstimo que presumivelmente vai resolver tudo em alguns anos. E isso não é trabalho de apenas alguns dólares. Mas vamos ver o que vai acontecer.

Também te pode interessar esta notícia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here