Oito vacinas anti COVID-19 chegaram na fase três de testes clínicos

0
268
vacinas anti COVID-19
Fotografia: pixabay.com

Oito vacinas anti COVID-19 chegaram na fase três de testes clínicos, o último antes da aprovação.

Investigadores do mundo inteiro estão a desenvolver mais de 165 vacinas contra o coronavírus e 32 delas estão em ensaios em humanos. As vacinas requerem normalmente anos de investigação e testes antes de chegarem à clínica, mas os cientistas estão a correr para produzir uma vacina segura e eficaz até ao próximo ano.

A vacina contra o coronavírus ainda está em teste

Começaram os trabalhos em Janeiro com a decifração do genoma da SRA-CoV-2. Os primeiros ensaios de segurança de vacinas em humanos começaram em Março, mas o caminho à frente continua incerto. Alguns ensaios irão falhar, e outros podem terminar sem um resultado claro. Existe a possibilidade de estimular o sistema imunitário para produzir anticorpos eficazes contra o vírus.

O Processo de Teste da Vacina Passo a Passo

Testes Pré-clínicos

Para ver se produz uma resposta imunitária, os cientistas fazem o teste da vacina em animais, ratos ou macacos.

Fase 1: ensaios de segurança

Os cientistas dão a vacina a um pequeno número de pessoas para testar a segurança e dosagem, bem como para confirmar que estimula o sistema imunitário.

Fase 2: ensaios alargados

A vacina é entregue a centenas de pessoas divididas em grupos, tais como crianças e idosos, para ver se a vacina actua de forma diferente neles. Este tipo de ensaios são feitos para testar ainda mais a segurança da vacina e a sua capacidade de estimular o sistema imunitário.

Fase 3: ensaios de eficácia

Nesta fase, em comparação com os voluntários que receberam um placebo, os cientistas dão a vacina a milhares de pessoas e esperam para ver quantos ficam infetados. Estes ensaios podem determinar se a vacina protege contra o coronavírus. Em Junho, o FDA disse que uma vacina contra o coronavírus teria de proteger pelo menos 50% das pessoas vacinadas para ser considerada eficaz. Além disso, os ensaios da Fase 3 são suficientemente grandes para revelar provas de efeitos secundários relativamente raros que poderiam faltar em estudos anteriores.

Aprovado

As entidades reguladoras de cada país analisam os resultados do ensaio e decidem se aprovam ou não a vacina. Durante uma pandemia, uma vacina pode receber autorização de utilização de emergência antes de obter aprovação formal. Assim que uma vacina é licenciada, os investigadores continuam a monitorizar as pessoas que a recebem para se certificarem de que é segura e eficaz.

Fase combinada 

Outra forma de acelerar o desenvolvimento de vacinas é combinar fases. Algumas vacinas de coronavírus estão agora em testes de Fase 1/2, por exemplo, em que são testadas pela primeira vez em centenas de pessoas. Provavelmente, vamos ter a vacina muito mais cedo do que nós pensávamos.

Outro artigo interessante sobre o coronavírus podes encontrar aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here