As plantas caseiras têm um poder inimaginável para ti!

0
282
plantas caseiras
Plantas, Fotografia: pixabay.com

Plantas caseiras – esseciais ou não? As plantas têm o poder de tornar o ambiente mais agradável e além de serem lindas, purificam o ar, são perfumadas e algumas delas até possuem propriedades energéticas.

Então, as plantas são uma ótima solução para decorar a tua casa e alegrar o ambiente. No entanto, deves ter conta de alguns aspetos antes de comprares uma planta. Critérios como luz, espaço, temperatura são muito importantes quando escolheres uma planta.

Aqui estão 3 plantas caseiras que se dão melhor dentro de espaços fechados!

1. Espada-de-São-Jorge

Também conhecida como espada-de-santa-bárbara, esta planta protege contra o mau-olhado e tem um excelente uso ornamental. Elimina substâncias tóxicas do ambiente, purifica o ar e produz oxigênio durante a noite. Porém, caso seja ingerida, esta planta pode prejudicar a nossa saúde.

Espada-de-São-Jorge, Fotografia: commons.wikimedia.org

A planta é utilizada em rituais de origem africana para afastar os maus espíritos. A espada-de-São-Jorge é capaz de suportar clima frio e apresenta resistência a solos áridos e ao calor tropical. Além disso, é capaz de suportar ar-condicionado e fumaça de cigarro.

2. Jiboia

A Jiboia é uma planta muito amada pelos brasileiros e é considerada, por muitos, uma planta sagrada e protetora. Contudo, deves deixar esta planta fora do alcance dos miúdos e dos animais de estimação porque é tóxica e pode apresentar perigo.

Como cuidar dela?

A Jiboia é muito adaptável e não exige muita manutenção. A folhagem cresce melhor e mais rápidamente em locais com luz mas adapta-se bem aos ambientes com sombra. O que ela odeia são as baixas temperaturas! No outono e no inverno deves regá-la com cuidado: uma a duas vezes por semana é o suficiente.

Sabes quõ fácil é realizar a tua própria máscara facial? Vê aqui como fazer uma!

Já em estações quentes e secas, as jiboias devem ser regadas duas ou três vezes por semana. Podes colocá-la em prateleiras, cachepôs, suportes de chão, parapeitos de janelas ou em vasos comuns.

3. Costela-de-Adão

A costela-de-adão é uma folhagem de origem mexicana que possui grandes folhas verdes escuras entrecortadas num desenho que lembra o de uma costela. Esta planta pode sobreviver em ambientes com pouca água e luz. Sendo uma planta de meia-sombra é ideal deixá-la dentro de casa para receber os raios solares de maneira indireta.

Costela-de-Adão, Fotografia: commons.wikimedia.org

A irrigação da costela-e-adão deve ser feita pelo menos duas vezes por semana no inverno e um pouco mais no verão, isso porque esta planta é acostumada aos climas tropicais e gosta quando a atmosfera é úmida.

Outras plantas que gostam de sombra são: a Samambaia, a Maranta, o Antúrio, a Cheflera, a Iuca, a Árvore-da-felicidade, a Peperômia o Ciclanto e o Mini-cacto.

Além duma alimentação saudável, olha 5 dicas que tens que desistir para ter sucesso!

ATENÇÃO! Para cuidar dessas plantas de sombra, é preciso regá-las regularmente para que o solo ficar sempre úmido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here