Coronavírus na Casa Branca: Donald e Melania Trump testam positivo

0
363
Trump coronavírus

Coronavírus na Casa Branca: o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, junto com a sua esposa, a primeira-dama Melania Trump, foram diagnosticados positivamente com o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo presidente na sua conta no Twitter, na manhã de sexta-feira.

A primeira-dama e eu tivemos resultados positivos para COVID-19. Começaremos o processo de quarentena e a recuperação imediatamente. Vamos superar isso juntos!, escreveu Donald Trump no Twitter.

Tudo começou quando uma das assessoras mais próximas do presidente, Hope Hicks, foi encontrada infetada com o vírus. Além disso, ela fez parte do grupo de assessores que viajou com o presidente dos Estados Unidos a bordo da aeronave presidencial Air Force One, ao debate eleitoral em Cleveland, Ohio, ao lado do seu oponente pela Casa Branca, Joe Biden.

Portanto, Trump (74 anos) e a sua esposa, Melania (50 anos) têm de entrar em quarentena em pleno período das eleições presidenciais, que vão ocorrer no dia 3 de novembro deste ano.

Se estás interessado em estatísticas nesta campanha presidencial, te invito a ler este artigo.

O anúncio foi feito também pela primeira-dama na mesma página de rede social: Como muitos americanos fizeram este ano, o Presidente dos Estados Unidos e eu vamos nos isolar em casa após o teste positivo para COVID-19. Sentimo-nos bem e tenho posposto todos os eventos programados para o próximo período.

Enquanto isso, o médico do presidente, Dr. Sean P. Conley, confirmou os testes positivos do casal presidencial:

Ele afirma que tanto o presidente quanto a primeira-dama estão bem neste momento, decidindo permanecer isolados na Casa Branca. Sean P. Conley garante ainda que o presidente continuará a exercer as suas funções durante a recuperação, sendo supervisionado clinicamente por uma equipa de especialistas extremamente bem treinados.

Os Estados Unidos continuam a ser o lugar mais afetado do mundo em relação à pandemia de coronavírus, com mais de 7 milhões de casos e 200.000 mortes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here